NVIDIA Max-Q Design: um novo design para os notebooks gamers

[LoginRadius_Share]

Notebooks gamer são sinônimos de alto poder de fogo há vários anos, oferecendo o que há de mais moderno e poderoso em termos de hardware. Porém, também sempre foram vítimas de uma sina: como contrapartida, eram grandes e pesados. Sob um ponto de vista técnico, faz sentido. Afinal, componentes poderosos geram mais calor, exigindo um sistema de refrigeração capaz de protegê-los do calor excessivo.

Não raro, alguns modelos chegam a medir mais de 5 centímetros de espessura e pesar mais de 3 kg. Por outro lado, temos os ultrafinos, como os Ultrabooks da Intel. Estes trazem um design mais fino e leve, focando na portabilidade. Naturalmente, traziam um comprometimento: processadores de baixa voltagem (mais sobre o assunto em Processador com mais núcleos ou clock maior. O que é melhor?), além de comumente não trazerem uma GPU dedicada.  Ou seja, nada de jogos em suas configurações máximas. Será que não dá para reunir o melhor dos dois mundos?

nvidia geforce gtx max-q

A NVIDIA tomou uma iniciativa a respeito, e vamos conhecer um pouco mais sobre ela neste artigo.

Com vocês: o NVIDIA Max-Q Design

Anunciado durante a Computex 2017, feira de tecnologia que ocorre anualmente em Taipei (Taiwan), o Max-Q Design pode ser resumido em uma simples expressão: engenharia de ponta. Não temos aqui uma nova geração de processadores Intel ou de GPUs da NVIDIA, mas sim uma nova abordagem para fazer com que as gerações atuais e posteriores possam trabalhar com seu pico de eficiência.

NVIDIA Max-Q

Um dos grandes responsáveis pela possibilidade do Max-Q Design é a própria série 10 de placas de vídeo da NVIDIA. Como exploramos em nosso artigo dedicado sobre o assunto, esta é a primeira geração que não diferencia os chips de desktops e notebooks. Isso ocorreu graças às melhorias internas e à redução da litografia. Um grande ganho para os notebooks, que podem agora ter uma potência proporcional à oferecida pelos desktops.

A ideia da NVIDIA não é parar por aí, e sim dar o próximo passo: ajudar fabricantes a projetar modelos que não apenas sejam tão poderosos quanto desktops, mas também permitir que os modelos sejam tão finos quanto os ultrafinos. Como? Através de uma combinação de controladores de tensão, posicionamento e potência do sistema de refrigeração, com novas soluções, otimização do software e driver e, principalmente, um gerenciamento interno da própria GPU.

NVIDIA Max-Q notebook gamer

Isso tudo com um ganho extra: uma redução do ruído dos coolers, graças ao WhisperMode, um recurso independente do Max-Q Design, mas que funciona combinado com ele. Inicialmente projetado para os notebooks  gamer que trazem os chips GTX 1060, GTX 1070 e GTX 1080 da NVIDIA, tanto o Max-Q Design quanto o WhisperMode já podem ser encontrados em produtos da Avell, como o Titanium W1570 Lite.

Chassi de alumínio e 3 coolers

Projetado para usuários profissionais, o Titanium W1570 Lite incorpora os elementos que vimos acima, trazendo uma poderosa GTX 1070 em um chassi com apenas 18 milímetros de espessura e 1,9 kg de peso. Além das mudanças nos componentes internos, o Titanium W1570 Lite conta com um chassi de alumínio, que oferece uma eficiência maior na dissipação de calor, e 3 poderosos coolers. Além de, claro, um poderoso fluxo de ar, como podemos ver na parte de baixo do modelo.

TITANIUM W1570 LITE NVIDIA Max-Q

TITANIUM W1570 LITE: 3 coolers, GTX 1070, chassi de alumínio e apenas 1,8 cm de espessura.

TITANIUM W1570 LITE: NVIDIA Max-Q

TITANIUM W1570 LITE: 3 coolers, GTX 1070, chassi de alumínio e apenas 1,8 cm de espessura.

TITANIUM W1570 LITE: 3 coolers,

TITANIUM W1570 LITE: 3 coolers, GTX 1070, chassi de alumínio e apenas 1,8 cm de espessura.

Além da poderosa GTX 1070 com 8 GB de memória dedicada, o Titanium W1570 Lite conta com o Core i7-7700HQ, 16 GB de memória RAM DDR4 rodando a 2400 MHz e SSD mesmo na configuração mais básica. Oferece hardware de sobra para rodar os games mais modernos, com potência suficiente para rodar os programas de criação multimídia mais exigentes do mercado. Entre eles, os projetados pela Adobe, Autodesk e Rhinoceros.

Ou seja, respondendo a pergunta que fizemos no começo do artigo: sim, é possível ter o melhor dos dois mundos. E ele já está disponível no site da Avell.

Fontes: NVIDIA, GeForce 1 e 2, Avell

(Este conteúdo foi visitado 6.654 vez(es) | 1 visita(s) hoje)

[LoginRadius_Share]
Comentários